COOASAVI realiza AGO para prestação de contas, eleição dos novos Conselhos e deliberações importante

No último sábado, 30 de março, a COOASAVI realizou a sua Assembleia Geral Ordinária (AGO) no clube Hangarana, em São Vicente de Minas, para a prestação de contas referente ao exercício fiscal de 2018, eleição dos novos membros do Conselho de Administração e Conselho Fiscal e deliberações importantes, incluindo a destinação da sobra apresentada pela Diretoria.

Na ocasião, estiveram presentes cerca de 100 cooperados, que puderam verificar detalhadamente todos os avanços conquistados no último ano, os quais resultaram em um crescimento do Ativo de 13,72%, superando a marca dos R$18 milhões. Já o patrimônio líquido aumentou em 14,10%. O número de cooperados passou de 744 para 810, estando atualmente 637 ativos. Quanto ao faturamento da matriz, houve um crescimento de 18%, em função do aumento da demanda por fubá e soja, cujas vendas aumentaram 25,34% e 9,75% respectivamente. Já o faturamento da loja de São Vicente de Minas cresceu 18,10% e o da loja de Liberdade, 57,81%.

Além de todos esses números que demonstram o crescimento e fortalecimento da cooperativa no último ano, a entidade realizou importantes avanços em 2018 e início de 2019, como a instalação da filial em Piedade do Rio Grande em março de 2019, a realização de obras de ampliação da fábrica e a compra de um terreno de 6 hectares onde pretende-se instalar novos silos para atender melhor aos produtores, ampliando a estrutura de recebimento de milho, soja e feijão.

Palavras da Diretoria

Durante o evento, os três componentes do Conselho de Administração da COOASAVI (gestão 2016-2018), Ronaldo Reis Laredo (Diretor Presidente), Paulo César Durço (Diretor Administrativo) e José Afonso Araújo (Diretor Financeiro), deram a sua palavra destacando os desafios enfrentados ao longo dos últimos três anos e também as importantes conquistas e realizações em prol da cooperativa e dos cooperados.

Iniciando a assembleia, Sebastião Guimarães, membro do Conselho Fiscal de 2018, leu o parecer emitido pela empresa de consultoria Inoveaud – Auditores e Consultores (Ribeirão Preto - SP) referente às demonstrações financeiras da COOASAVI para o exercício findo em 31 de dezembro de 2018, bem como o parecer do Conselho Fiscal, os quais aprovaram as contas apresentadas, com recomendações de aprimoramentos no estoque, créditos tributários do PIS e COFINS, ativo imobilizado, contas a receber e contas caixa. Na sequência, o Diretor Presidente fez a abertura oficial do evento, seguida da palavra do Diretor Financeiro, José Afonso, que agradeceu a presença de todos e destacou que a Diretoria tem buscado desenvolver um trabalho sério e comprometido, “acertando tudo, acompanhando de perto todas as movimentações de estoque, financeiras e de contabilidade”, de modo que se tenha um maior controle. José Afonso disse, ainda, que a equipe administrativa tem lutado para oferecer o melhor serviço aos cooperados.

Novamente, Ronaldo discursou aos presentes, enaltecendo todas as ações realizadas pela atual gestão e os projetos futuros. “Temos tentado fazer tudo com muito planejamento, estudo e, principalmente, procurando escutar os cooperados”, disse. O Diretor Presidente afirmou que a partir do dia 15 de abril, serão instaladas urnas em pontos estratégicos da COOASAVI (fábrica e lojas) para que os cooperados possam dar a sua opinião, apontando falhas e sugerindo melhorias. Ele destacou ainda que esta foi a primeira vez que a cooperativa contratou uma consultoria externa, a qual deu recomendações importantes para a melhoria da entidade, dentre elas, a contratação de um profissional de TI, o que já foi realizado com a entrada de Maurício Lucinda, que tem grande experiência na área e já tem colaborado bastante para a melhoria dos sistemas. Ronaldo aproveitou também para parabenizar dois funcionários que estão na cooperativa desde os seus primeiros anos, Leandro Arantes e Francisco Augusto. “Eles merecem o nosso reconhecimento e aplauso por, desde sempre, terem realizado um trabalho sério e comprometido com a COOASAVI”, salientou.

Em seguida, o Diretor Administrativo, Paulo César Durço, apresentou os dados da Prestação de Contas do ano de 2018, ressaltando inicialmente as ações de expansão da cooperativa, como a implementação da filial de Piedade e as obras na fábrica. “Estamos orgulhosos pela nossa nova loja, pois temos recebido um retorno muito positivo dos produtores piedenses e de toda a região. Buscamos atender a uma demanda dos prefeitos de Piedade, Ibertioga, Santana do Garambéu e Santa Rita do Ibitipoca, e percebemos que foi uma decisão acertada, pois além de contarmos com todo o apoio dos gestores municipais, dos dirigentes de associações de classe e dos próprios produtores, já conseguimos mais de 60 novos cooperados e acreditamos que esse número deve crescer ainda mais, dado o grande interesse que temos observado”, afirmou.

O Diretor Administrativo destacou, ainda, que as obras de expansão do parque industrial compreendem a construção de um escritório de 400m², um depósito para defensivos agrícolas e a cobertura do espaço de armazenamento de adubo e farelo de soja. “A atual gestão buscou conduzir a COOASAVI de forma muito criteriosa, cuidadosa e séria. O nosso Diretor Presidente, Ronaldo, acompanha tudo de perto, visita todas as nossas unidades e está sempre presente. José Afonso, nosso Diretor Financeiro, tem buscado inspecionar todas as movimentações financeiras e, além disso, contamos com o trabalho sério de nossa contadora Cleide, que está diariamente na COOASAVI para controlar nossa contabilidade. Devo citar, ainda, a importante contribuição dos consultores de Ribeirão Preto que ficaram 12 dias conosco, fazendo uma avaliação completa de nossa cooperativa e apresentando-nos recomendações relevantes, as quais já estamos buscando concretizar. Por fim, devo agradecer aos Conselheiros Afonso, Ulisses e Tarcísio, aos membros do Conselho Fiscal e aos 78 colaboradores que atualmente prestam serviços para a COOASAVI. Posso dizer que agora temos uma estrutura forte que nos dá tranquilidade para trabalhar. Ainda temos muitos desafios pela frente, mas creio que estamos no caminho certo”, afirmou.

Além da prestação de contas de 2018, César apresentou dados percentuais que apontam o crescimento da COOASAVI de 2015 a 2018, dentre os quais destacam-se: aumento de 41,60% no número de cooperados e de 61,76% no número de colaboradores; crescimento de 109,15% na produção de fubá, de 134,56% na venda da soja, 86,90% na venda de adubos e 48,53% nas vendas de produtos em geral; elevação de 80,33% no faturamento anual, de 61,79% no ativo e de 31,71% no estoque. O aumento expressivo na venda de fubá e soja deve-se ao fato de os produtores estarem produzindo a ração em suas próprias fazendas como uma forma de redução de custos. Com isso, houve uma pequena queda na venda de ração pela fábrica da COOASAVI, baixa que foi compensada pela elevação na comercialização desses outros produtos.

Ao revelar esses percentuais, César chamou a atenção para o crescimento no patrimônio líquido da cooperativa nos últimos três anos, o qual foi de 87,87%, ou seja, a COOASAVI quase dobrou de tamanho durante a gestão 2016-2018. “Estamos falando de um crescimento real, fruto de um esforço conjunto dos membros da Diretoria para fortalecer a nossa cooperativa não somente em São Vicente como em toda a região. E os números mostram que estamos conseguindo atingir os nossos objetivos”, enfatizou.

Depois de apresentar esses dados, o Diretor Administrativo tratou das despesas a pagar em 2019 e 2020 e mostrou também a demonstração do resultado de 2018, colocando à disposição dos cooperados a sobra líquida de R$ 838,848,00. Os associados presentes votaram e a maioria optou pela incorporação de 100% do valor no fundo de reserva.


Deliberações e eleição dos Conselhos de Administração e Fiscal

Outras votações também foram realizadas durante a AGO. Os cooperados opinaram sobre a remuneração do capital, autorizando o Conselho de Administração a pagar 6% de juros sobre o capital ao ano, sobre os honorários dos conselheiros e também sobre a realização de empréstimos.
Além disso, foram realizadas as eleições do Conselho de Administração (gestão 2019-2021) e Conselho Fiscal (gestão 2019), sendo apresentadas duas chapas únicas:

Conselho de Administração

Diretor Presidente: Ronaldo Reis Laredo
Diretor Administrativo: Paulo César Durço
Diretor Financeiro: José Afonso de Araújo
Conselheiros: Carlos Vamberto de Araújo, Ronei Campos Meirelles e Afonso Maria de Carvalho

Conselho Fiscal

Conselho efetivo:
Ulisses Teixeira de Andrade
Antônio Ricardo Teixeira Meirelles
Pedro Vilela Araújo

Conselho suplente:
Marina Rezende de Carvalho
Adailton Botelho Ramos
Tarcísio Rodrigues Vilella

Após a apuração dos 89 votos nas urnas, os dois conselhos foram eleitos, sendo o Conselho de Administração eleito com 73 votos a favor e 16 contra, e o Conselho Fiscal eleito com 72 votos a favor e 16 contra. As novas gestões iniciam o seu trabalho neste mês.

Antes do encerramento da assembleia e início das eleições, Alcino Rezende Diniz, membro do Conselho Fiscal de 2018, deu a sua palavra, enaltecendo o trabalho desempenhado pela sua equipe e destacando a importância de uma fiscalização séria e comprometida com o fortalecimento da COOASAVI. Alcino agradeceu o apoio de todos, em especial dos funcionários da cooperativa, e desejou boa sorte à nova gestão. Após a assembleia, foi servido um coquetel aos presentes, com bebidas, queijos e salgados, e música ao vivo.

Para mais informações sobre a Prestação de Contas de 2018 e o Parecer dos auditores, acesse: https://www.cooasavi.com.br/portal/balancos/

Confira as fotos da AGO na galeria abaixo:


Publicado: 02/04/2019 por COOASAVI

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER!