IBGE: alta de 1,4% na captação de leite para o 1º tri de 2020

Fonte: Milk Point



Os dados prévios da Pesquisa Trimestral do Leite para o primeiro trimestre de 2020, divulgados pelo IBGE nesta quinta-feira (14/05) apontam um aumento de 1,4% na captação de leite cru resfriado, em relação ao primeiro trimestre de 2019, como mostra o Gráfico 1. Os 6,3 bilhões de litros de leite captados nos primeiros três meses de 2020 são 5,2% inferiores ao volume total adquirido no último trimestre de 2019.




Vale ressaltar que 2020 é ano bissexto e a captação em fevereiro mudou bastante de 2019 para 2020, com aumento de 4,5% este ano. Corrigindo esta variação para 28 dias, o aumento de fevereiro passa a +0,9%, refletindo mais claramente a realidade de mercado que tem sido observada.


No entanto, apesar do aumento em relação a 2019, é possível observar uma desaceleração no crescimento dos volumes de captação ao longo do trimestre e, em março, o número de 2020 já é 0,6% menor que no mesmo mês de 2019. O primeiro trimestre de 2020 foi marcado por aumento nos custos de produção, instabilidades climáticas e redução nos volumes de chuvas em importantes regiões produtoras, o que limitou o crescimento da produção de leite.


O aumento dos custos de produção, influenciado principalmente pelo aumento dos preços dos grãos, tem exercido influência direta na redução da rentabilidade dos produtores ao longo do primeiro trimestre de 2020. 


O indicador de Receita Menos Custo de Ração, calculado pelo MilkPoint Mercado, foi 11% mais baixo no primeiro trimestre deste ano em relação ao mesmo período do ano passado, como mostra o Gráfico 2. A redução da rentabilidade impacta em menor produção e, consequentemente, menor captação pelas indústrias.




Publicado: 15/05/2020 por COOASAVI

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER!