BOI / CEPEA: Arroba do boi volta a ser negociada acima da carne

Fonte: Cepea - Esalq/USP. 


Neste mês de julho, a arroba do boi gordo (Indicador CEPEA/B3, mercado paulista, à vista) voltou a ser negociada a valores acima dos observados para a carcaça casada (mercado atacadista da Grande São Paulo, também à vista). Segundo pesquisadores do Cepea, esse cenário é resultado do ritmo de alta nos preços do boi acima do observado para a carcaça.

Na parcial de julho (até o dia 15), o Indicador do boi gordo registra média de R$ 219,51 e a carcaça casada de boi, de R$ 216,30, com respectivos avanços de 4,6% e de 2,48% frente às do mês anterior. Já no ano, enquanto a média mensal do boi sobe 0,65%, a carne se desvaloriza 5,36%.


Diante disso, o animal para abate nesta parcial de julho é negociado a 3,21 Reais por arroba acima da carne no atacado. Trata-se da maior vantagem do animal sobre a carne desde agosto de 2016, quando o boi gordo era negociado 11,7 Reais/@ acima da carcaça casada. Todas as comparações foram realizadas com médias reais, deflacionadas pelo IGP-DI.

Publicado: 16/07/2020 por COOASAVI

ASSINE NOSSA
NEWSLETTER!